Proveniência e Biblioteconomia: relato da pesquisa realizada para a elaboração do Glossário Ilustrado de Marcas de Proveniência

Acaba de ser publicado o livro Grupo de discussão em coleções especiais jurídicas: debates para o futuro do patrimônio bibliográfico no Direito, organizado por Thiago Cirne Freitas (CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O E-BOOK).

Tivemos a honra de participar desta obra, apresentando um capítulo onde é relatada a pesquisa realizada para a elaboração do Glossário Ilustrado de Marcas de Proveniência. O capítulo intitula-se Proveniência e Biblioteconomia: relato da pesquisa realizada para a elaboração do Glossário Ilustrado de Marcas de Proveniência, de autoria de Marcia Carvalho Rodrigues, Alissa Esperon Vian, Mariana Briese da Silva, Luise de Oliveira Rodrigues e Andressa Eloany Brito Rebelo, todas integrantes do Grupo de Estudos e Pesquisas em Informação e Memória – GEPIM/FURG.

O glossário teve como base a revisão bibliográfica e documental em fontes nacionais e estrangeiras. A seleção dos descritores que constituem o seu corpus inicial baseou-se em duas fontes estrangeiras, a saber: a “Liste hiérarchisée de termes relatifs aux marques de provenance portées sur les livres”, elaborada pela associação francesa BiblioPat; e o “T-Pro: Thesaurus der Provenienzbegriffe”, desenvolvido pela Biblioteca Estadual de Berlim, Alemanha.

Foram selecionados 122 termos (descritores), os quais apresentam a seguinte estrutura: definição do conceito; ilustração (imagem associada) e nota explicativa; remissivas para termos não descritores (sinônimos); formas equivalentes do termo nos idiomas espanhol, inglês e francês; relações lógicas/ontológicas entre descritores.

O Glossário está disponível para consulta em acesso aberto (CLIQUE AQUI).

Oficina “Marcas de proveniência bibliográfica: da teoria à prática”

Oficinas: “Marcas de proveniência bibliográfica: da teoria à prática”, com Alissa Esperon Vian, dia 18/05 às 15 horas.

O evento tem vagas limitadas e integra a Semana Nacional dia Museus 2022.

Live “Marcas de proveniência no acervo raro da Biblioteca Rio-Grandense”

No dia 17 de junho, às 18h, a pesquisadora Alissa Vian apresentou a pesquisa “Marcas de Proveniência no Acervo Raro da Biblioteca Rio-Grandense: estudo sobre os ex-libris presentes nos livros publicados entre os séculos XVI, XVII e XVIII”, desenvolvida no ano de 2019.

A live ocorreu no Canal do YouTube Caçadora de Ex-Libris. Clique aqui para assistir.

Bate-papo sobre o livro

Convidadas: Autoras do livro Alissa Esperon Vian (Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade Federal do Rio Grande – FURG. Atuou como bolsista no Repositório Institucional da FURG e no projeto de pesquisa “Contexto, situação e perspectivas dos acervos bibliográficos raros pertencentes às universidades gaúchas”. Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Informação e Memória – GEPIM/FURG, no projeto de pesquisa: “Sistema de Armazenamento e Reconhecimento de Marcas de Proveniência em Acervos Bibliográficos”) e Márcia Carvalho Rodrigues (Professora Adjunta, Instituto de Ciências Humanas e da Informação -ICHI, Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Informação e Memória – GEPIM/FURG).

Este livro tem suas origens em uma pesquisa realizada durante o ano de 2019, no âmbito do Grupo de Estudos e Pesquisas em Informação e Memória (GEPIM), no curso de Bacharelado em Biblioteconomia da Universidade Federal do Rio Grande (FURG).

O estudo empreendido teve como universo de pesquisa um tipo específico de marca de proveniência bibliográfica: o ex-libris. A obra aborda as temáticas ilustradas nessas pequenas etiquetas, algumas definições e nos desperta conhecer um pouco mais sobre este universo exlibrista.

Acesse o e-book: http://repositorio.furg.br/handle/1/9360

Link para assistir o bate-papo: https://youtu.be/KinkuntN5ro

Marcas de proveniência bibliográficas: um estudo sobre os ex-libris

Acaba de ser lançado o e-book de acesso aberto Marcas de proveniência bibliográficas: um estudo sobre os ex-libris, de autoria de Alissa Vian e Marcia Rodrigues, ambas pesquisadoras do GEPIM/FURG.

O livro está disponível para download no Repositório Institucional da FURG, no seguinte endereço: http://repositorio.furg.br/handle/1/9360.